Sistema de ensino superior no Brasil é composto por escolas públicas e privadas

novembro 30, 2018 Geraldo 0

O ensino secundário superior no Brasil, conhecido localmente como Escola Secundária ou Escola Secundária, tem quatro anos de duração e é projetado para estudantes entre 15 e 18 anos.

A participação neste nível opcional de educação varia de acordo com a região e nível socioeconômico, onde as cidades maiores têm a maior taxa de atendimento, especialmente entre crianças de famílias afluentes.

O currículo básico no ensino médio também foi elaborado pelo Ministério da Educação. Inclui matemática, línguas estrangeiras, português, história / governo, geografia, ciência, tecnologia, artes, música, educação física, filosofia e sociologia.

Estrutura do Ensino Superior

O sistema de ensino superior no Brasil é composto por escolas públicas e privadas, esta última feita por organizações sem fins lucrativos e com fins lucrativos. O último censo no Brasil incluiu 1.900 instituições de ensino superior, das quais 163 eram universidades.

Se você deseja iniciar um curso em uma universidade poderá realizar o Exame Nacional do Ensino Médio, mais conhecido como Enem, que dá a oportunidade dos estudantes de estudar em uma universidade pública ou privada.

A prova do Enem é constituída por 4 provas objetivas, possuindo cada uma, 45 questões, mais a redação. Sendo as disciplinas em todas as áreas do conhecimento.

Ensino Superior

Quase metade dessas universidades são públicas, embora 70% do mercado total de ensino superior seja privado, já que o número de instituições privadas aumentou nos últimos anos para acompanhar a demanda pelo ensino superior e formação profissional.

A admissão a universidades públicas no Brasil é extremamente competitiva, dado que os alunos não pagam taxas de admissão e devido à percepção pública da qualidade do ensino superior nessas universidades.

As universidades públicas se destacam nas ciências agrárias e humanas, como medicina, formação de professores e psicologia, enquanto as instituições privadas são distinguidas pelas ciências sociais aplicadas, como legislação, administração e economia.

Sem imagem

Cadastro de Pessoa Física deve ser fornecido a qualquer cidadão

novembro 26, 2018 Geraldo 0

O CPF (Cadastro de Pessoa Física) é um importante documento que deve ser fornecido a qualquer cidadão ativo economicamente ou não. O documento pode ser tirado em qualquer idade. Não é necessário ser maior de idade ou estar trabalhando para ter um CPF ativo. O procedimento é simples; geralmente rápido e chega à residência pelo correio em um tempo curto.

O número do CPF irá identificar a pessoa junto à Receita Federal para sempre. O documento oficial brasileiro é um cartão, parecido com um cartão de crédito, mas a função magnética não é usada (ainda) no dia a dia. A ideia é que com o passar do tempo seja feita pela forma magnética.

Mesmo tendo um cartão próprio o CPF não precisa ser levado com a pessoa o tempo todo. Uma cópia autenticada pode ser uma boa forma de mantê-lo por perto e usado quando necessário. Os outros documentos geralmente já saem acompanhados com o número de inscrição do CPF. RG, Carteira de Habilitação (CNH), Carteira de Trabalho, etc.

Atualmente o cartão de plástico do CPF não é mais entregue na hora de criação do número, por isso, é importante que você saiba como Imprimir o CPF e ter o documento em mãos.

Ter o CPF bloqueado pode ser um problema. Com o cadastro barrado a pessoa não consegue fazer compras a prazo e votar, por exemplo. Para verificar se o CPF está em dia, você deve consultar o CPF através órgãos como o SPC (Serviço de Proteção ao Crédito) e a SERASA (empresa centralizadora dos serviços dos bancos) irão ajudar na busca do problema.

O CPF não pode ser tirado na internet. Todo o processo de criação do documento é presencial. Para tirar a primeira via o interessado deve comparecer a uma agência da Caixa Econômica Federal, Banco do Brasil ou Correios. No momento da inscrição o cidadão receberá um número (que comprova o cadastro) após preencher uma ficha com seus dados.

Com o papel em mãos a pessoa deve retornar na data marcada para retirar seu primeiro CPF no local indicado.

 

Sem imagem

Como se preparar para a aposentadoria

novembro 23, 2018 Geraldo 0

Muita gente alcança a terceira idade sem reservas de dinheiro ou um fundo monetário para se sustentar após completar o período de contribuição do INSS, e tem a aposentadoria do INSS como única forma de renda. Isso é algo muito sério, afinal, os rendimentos da tabela do INSS 2019 são muito baixos, e o trabalhador precisa se planejar, pois conforme a idade avança, os gastos com saúde, por exemplo, aumentam bastante.

Se você quiser arriscar um pouco, pode até colocar uma parte em fundo de ações. Os bancos é que apresentam essas ações e formam um fundo que normalmente rende de acordo com o índice médio da Bolsa, o Ibovespa. Oriente-se com o seu gerente. Outra opção interessante é criar várias contas de poupança, sendo uma para cada sonho, ou contas específicas, uma para a troca futura do carro, outra para a reforma da casa, outra para uma viagem dos sonhos. Com isso, você não arrisca o seu dinheiro em um só investimento. O importante é criar a cultura de poupar, de ter sempre economias guardadas.

Quando você acumular um volume que considerar expressivo, outra possibilidade que sempre recomendo são os imóveis. Muita gente, principalmente do mercado financeiro, fala da baixa liquidez, dos gastos com manutenção etc.

Porém, imagine um segundo imóvel comercial e que seja alugado. Além da valorização natural do mercado imobiliário, seu patrimônio renderá aluguel mensal e as taxas serão pagas pelo inquilino, que terá de fazer uma manutenção muito boa, até porque imóveis comerciais precisam de boa aparência para manter os clientes. Portanto, você passa a ter um patrimônio maior e complemento mensal de renda. O mais importante é que você pense em tudo isso e não deixe para amanhã uma decisão que pode ser tomada hoje e que certamente vai lhe garantir um futuro bem melhor.

Não é necessário ser um gênio das finanças para iniciar um investimento. Qualquer pessoa pode se consultar com um especialista em correção de bens para planejar a sua previdência privada. É fundamental que os trabalhadores não fiquem reféns da tabela do INSS, pois os pagamentos da previdência Social são muito baixos, e tendem a ser de apenas 1 salário mínimo por mês, o que é muito pouco para a maioria das pessoas, já que o piso salarial está seriamente defasado.

Sem imagem

Benefícios aos trabalhadores que fazem parte da Seguridade Social

novembro 19, 2018 Geraldo 0

O Seguro Desemprego 2019 é um dos benefícios que fazem parte da chamada Seguridade Social. A seguridade social está prevista na constituição federal de 1988 e promove maior senso igualitário entre as pessoas. Porém sempre há dúvidas de quem tem direito ao seguro desemprego.

Faz jus a esse benefício as pessoas que trabalharam de forma registrada e que foram mandadas embora de seus empregos sem justa causa. Os valores a serem pagos pelo banco Caixa Econômica Federal variam de acordo com o tempo que a pessoa trabalhou registrado e também quanto essa pessoa ganhava de salário por mês.

Quem tem Direito ao Seguro Desemprego

Uma das perguntas mais comuns quanto a esse benefício é: quem são os trabalhadores que tem direito a receber? Simples. Tem direito a receber os trabalhadores que comprovarem vínculo empregatício (carteira assinada) por pelo menos 01 ano (12 meses) e que não tenham sido mandados embora por justa causa.

O pagamento do benefício é feito em, no mínimo 03 parcelas e no máximo 05 parcelas, tudo depende do tempo de contribuição que você teve. Se você trabalhou 01 ano, então terá 03 meses de benefício, a partir de 1 ano e meio, terá quatro meses e depois de dois anos comprovados, 05 meses de seguro desemprego.

Nova Regra

No começo do ano de 2015, a presidente da república aprovou uma emenda que modificou o prazo mínimo para se receber o acesso ao seguro desemprego. Anteriormente, o mesmo poderia ser solicitado com apenas 06 meses de trabalho comprovado em registro em carteira. Hoje, para fazer uma nova solicitação, você precisa ter pelo menos um ano de registro. O pagamento feito pela Caixa será debitado em conta e você consegue sacar usando o cartão cidadão. Caso você não tenha um, poderá fazê-lo gratuitamente nas próprias agências Caixa.

Valor do Seguro

Os valores pagos a você não serão restituídos quando você conseguir um novo emprego, mas serão cortados se durante esse tempo de seguridade você conseguir arrumar um novo emprego. Isso acontece porque o governo entende que você não precisa mais dessa vontade de subsídio, mesmo que esse emprego ainda seja um “teste” e você não tenha a confirmação completa da vaga.

Para saber o valor do seguro desemprego a que você tem direito, observe a regra matemática de cálculo, que poderá ser aplicada para qualquer pessoa.

  • Funcionário que recebia até R$1.222,77 – multiplica o valor por 0.8;
  • Funcionário que recebia de R$1.222,77 até R$2.038,15 – multiplica por 0.5;
  • Funcionário que recebia acima de R$2.038,15 – receberá um valor fixo de R$1.385,91.
Sem imagem

Informações sobre o site do INEP e seus exames

novembro 12, 2018 Geraldo 0

O site do Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira) aborda vários assuntos e conteúdos referentes a programas do Brasil que envolvam a Educação no País, desde concursos públicos até programas que auxiliam no crescimento educacional dos brasileiros.

A instituição Inep tem como objetivo elaborar pesquisas para criar soluções melhores no ensino, sendo métodos e formas que possam tornar as instituições públicas de ensino capacitadas para o desenvolvimento de seus alunos, fazendo com que possam estar aptos e com seus conhecimentos avançados para se tornar um bom profissional.

Conheça também a Página do Participante Encceja e Enem para ter acesso a todas as informações do exame.

Além da elaboração de pesquisas o Inep também desenvolve e formula avaliações para concursos públicos, tais como o ENEM, Encceja, Enade, entre outros programas que auxiliam no ensino fundamental e superior de jovens e adultos. No Site no Inep o usuário pode ficar por dentro das últimas notícias sobre vários assuntos referentes à educação brasileira, e assim não perder nenhuma oportunidade de fazer o seu futuro.

Sem imagem

Informações sobre o Imposto Automotivo Obrigatório em todos Estados

novembro 7, 2018 Geraldo 0

Todos e cada um dos anos um imposto é cobrado dos proprietários de carros, esse imposto é o IPVA, e também em 2019 mais uma vez precisaremos estar informados sobre este. O IPVA 2019 MG é uma forma de elevar fundos para realizar a manutenção das ruas e também rodovias no país, desse modo veja próximo como funcionará o IPVA 2019 MG.

Todo tributário do IPVA 2019 MG precisa estar informado sobre a sua medida, prazos de pagamentos e também formas para concretiza-las, então trouxemos a humanidade esses pormenores para vocês hoje em dia.

IPVA 2019 MG

Em todo estado de Minas Gerais milhares de pessoas deverão contribuir com o IPVA 2019, e também é essencial que estejam por dentro dos pormenores desse imposto para não sejam pegos desprevenidos. Estar informado a tapume do IPVA trepar ajudará a permanecer em dia com a seu imposto, portanto acompanhe a série de particularidades que precisa descobrir próximo.

Tabela

Há uma tabela que é anualmente atualizada e também disponibilizada para consulta, nesta tabela constam datas nas quais deverão ser pagos o IPVA 2019 MG classificando os prazos pelos finais das placas dos autos. A tabela em vigor agora é alusiva ao IPVA de 2018, então ainda é preciso esperar a liberação dos dados referentes ao IPVA 2019 MG.

Para você tenha como se familiarizar com veja a tabela de 2018 seguinte, mas lembre-se que ela não é válida para o IPVA de 2019.

Pagamento

O pagamento do IPVA 2019 MG é realizado mediante uma guia de recolhimento, essa guia será enviada para você pelos Correios, porém também poderá ser impressa pelo website do Banco Bradesco. O tributário é possível que optar por realizar o seu pagamento de modo integral ou segmentado em até 3 vezes, porém pagando totalmente existe o benefício de aceitar descontos no valor no imposto.

Para o pagamento da guia do IPVA o tributário é possível que se encaminhar a residências lotéricas ou bancos. A medida cobrada no IPVA 2019 MG não é o mesmo para todos e cada um dos contribuintes no país, porque tem uma formula para cálculo do imposto que envolve a alíquota do seu estado e também as especificações do seu veículo, então quanto mais novo o veículo, mas cima o valor do IPVA.

A alíquota é possível que ser também atualizada anualmente, além de ser dissemelhante em todo estado do país. O tributário que desejar é possível que consultar o seu IPVA pelo sítio do Banco Bradesco e também pelo sítio do Detran MG no endereço http://www.detran.mg.gov.br/, basta ter em mãos os números dos documentos pessoais, RENAVAM e também placa do veículo.

Lembre-se que os valores referentes ao IPVA 2019 ainda não foram divulgados, e também deverão ser anunciados em 2018. Não deixe de realizar o pagamento do seu IPVA 2019 MG, porque a não conformidade com o imposto torna a circulação do seu veículo irregular.