Como se preparar para a aposentadoria

novembro 23, 2018 Geraldo 0

Muita gente alcança a terceira idade sem reservas de dinheiro ou um fundo monetário para se sustentar após completar o período de contribuição do INSS, e tem a aposentadoria do INSS como única forma de renda. Isso é algo muito sério, afinal, os rendimentos da tabela do INSS 2019 são muito baixos, e o trabalhador precisa se planejar, pois conforme a idade avança, os gastos com saúde, por exemplo, aumentam bastante.

Se você quiser arriscar um pouco, pode até colocar uma parte em fundo de ações. Os bancos é que apresentam essas ações e formam um fundo que normalmente rende de acordo com o índice médio da Bolsa, o Ibovespa. Oriente-se com o seu gerente. Outra opção interessante é criar várias contas de poupança, sendo uma para cada sonho, ou contas específicas, uma para a troca futura do carro, outra para a reforma da casa, outra para uma viagem dos sonhos. Com isso, você não arrisca o seu dinheiro em um só investimento. O importante é criar a cultura de poupar, de ter sempre economias guardadas.

Quando você acumular um volume que considerar expressivo, outra possibilidade que sempre recomendo são os imóveis. Muita gente, principalmente do mercado financeiro, fala da baixa liquidez, dos gastos com manutenção etc.

Porém, imagine um segundo imóvel comercial e que seja alugado. Além da valorização natural do mercado imobiliário, seu patrimônio renderá aluguel mensal e as taxas serão pagas pelo inquilino, que terá de fazer uma manutenção muito boa, até porque imóveis comerciais precisam de boa aparência para manter os clientes. Portanto, você passa a ter um patrimônio maior e complemento mensal de renda. O mais importante é que você pense em tudo isso e não deixe para amanhã uma decisão que pode ser tomada hoje e que certamente vai lhe garantir um futuro bem melhor.

Não é necessário ser um gênio das finanças para iniciar um investimento. Qualquer pessoa pode se consultar com um especialista em correção de bens para planejar a sua previdência privada. É fundamental que os trabalhadores não fiquem reféns da tabela do INSS, pois os pagamentos da previdência Social são muito baixos, e tendem a ser de apenas 1 salário mínimo por mês, o que é muito pouco para a maioria das pessoas, já que o piso salarial está seriamente defasado.

Sem imagem

Benefícios aos trabalhadores que fazem parte da Seguridade Social

novembro 19, 2018 Geraldo 0

O Seguro Desemprego 2019 é um dos benefícios que fazem parte da chamada Seguridade Social. A seguridade social está prevista na constituição federal de 1988 e promove maior senso igualitário entre as pessoas. Porém sempre há dúvidas de quem tem direito ao seguro desemprego.

Faz jus a esse benefício as pessoas que trabalharam de forma registrada e que foram mandadas embora de seus empregos sem justa causa. Os valores a serem pagos pelo banco Caixa Econômica Federal variam de acordo com o tempo que a pessoa trabalhou registrado e também quanto essa pessoa ganhava de salário por mês.

Quem tem Direito ao Seguro Desemprego

Uma das perguntas mais comuns quanto a esse benefício é: quem são os trabalhadores que tem direito a receber? Simples. Tem direito a receber os trabalhadores que comprovarem vínculo empregatício (carteira assinada) por pelo menos 01 ano (12 meses) e que não tenham sido mandados embora por justa causa.

O pagamento do benefício é feito em, no mínimo 03 parcelas e no máximo 05 parcelas, tudo depende do tempo de contribuição que você teve. Se você trabalhou 01 ano, então terá 03 meses de benefício, a partir de 1 ano e meio, terá quatro meses e depois de dois anos comprovados, 05 meses de seguro desemprego.

Nova Regra

No começo do ano de 2015, a presidente da república aprovou uma emenda que modificou o prazo mínimo para se receber o acesso ao seguro desemprego. Anteriormente, o mesmo poderia ser solicitado com apenas 06 meses de trabalho comprovado em registro em carteira. Hoje, para fazer uma nova solicitação, você precisa ter pelo menos um ano de registro. O pagamento feito pela Caixa será debitado em conta e você consegue sacar usando o cartão cidadão. Caso você não tenha um, poderá fazê-lo gratuitamente nas próprias agências Caixa.

Valor do Seguro

Os valores pagos a você não serão restituídos quando você conseguir um novo emprego, mas serão cortados se durante esse tempo de seguridade você conseguir arrumar um novo emprego. Isso acontece porque o governo entende que você não precisa mais dessa vontade de subsídio, mesmo que esse emprego ainda seja um “teste” e você não tenha a confirmação completa da vaga.

Para saber o valor do seguro desemprego a que você tem direito, observe a regra matemática de cálculo, que poderá ser aplicada para qualquer pessoa.

  • Funcionário que recebia até R$1.222,77 – multiplica o valor por 0.8;
  • Funcionário que recebia de R$1.222,77 até R$2.038,15 – multiplica por 0.5;
  • Funcionário que recebia acima de R$2.038,15 – receberá um valor fixo de R$1.385,91.
Sem imagem

Programa Social criado pelo Governo Federal auxilia milhares de famílias carentes

outubro 30, 2018 Geraldo 0

O Bolsa Família 2019 beneficia atualmente famílias de todas as partes do Brasil, por isso que os beneficiados não podem deixar de conferir as informações que estamos trazendo desse programa. E como sabemos todos os anos o Bolsa Família 2019 muda de data, portanto é importante ficar informado sobre as datas e tudo mais.

E para ficar por dentro das datas do Bolsa Família 2019 é importante consultar o calendário. Somente o calendário completo para trazer todas as informações necessárias para vocês. E para esse ano foram feitas algumas mudanças, então fique de olho nessas mudanças.

Com o dinheiro do bolsa família muitas famílias conseguem adquirir o que precisam, tanto em relação a alimentação e também em relação a materiais escolares para os filhos, porque como sabemos sempre fica caro a compra desses materiais. E todo mês o beneficiado tem um dinheiro extra na conta para ajudar a família. E o dinheiro é recebido conforme a quantidade de filhos.

O calendário Bolsa Família 2019 traz todas as datas de recebimento do dinheiro, por isso que é importante ficar atualizado e em dia com essas datas para você não deixar passar e poder sacar seu dinheiro despreocupado (a). E hoje muitas famílias melhoraram suas condições financeiras com esse programa, e muita coisa deixou de faltar dentro das casas das famílias brasileiras.

O calendário de pagamentos da Bolsa Família 2019 é importantíssimo para que as famílias possam saber o dia certinho que o dinheiro será depositado e isso poupa a perca de tempo em ficar indo ao banco todos os dias para sacar o dinheiro que ainda não foi depositado, então fique de olho nesse detalhe.

Para saber o calendário completo Bolsa Família 2019 é só entrar no site da Caixa, tem todas as informações, desde o mês de janeiro até o mês de dezembro: